CENA HÍBRIDA SEG29NOV

CENA HÍBRIDA 29NOV COM RAFA CAMBARÁ E FRIGO MANSAN

Bem vindxs, ouvintes da DFM, a mais um podcast do nosso programa que foca nas artes cênicas, mas também está aberto para todas as formas de arte!

Na noite desta última segunda-feira de novembro, esta que vos escreve recebeu dois integrantes da banda Cósmica, que fará uma apresentação no espaço cultural Via Trastevere/La Photo (Travessa da Paz 44, bairro Farroupilha) neste sábado, dia 04 de dezembroàs 20h.

Ambos são músicos, mas também orbitam de forma híbrida na vida, uma vez que o Rafa Cambará é ator e o Frigo Mansan está se aventurando nas artes cênicas desde 2018, além de ser mestre cervejeiro. Ambos são também performes desta banda, que tem outros dois integrantes do teatro: xs atores Ju Barros e Lud Flores, que, com nossos entrevistados desta edição, resolveram juntar os talentos para levar ao público uma experiência sonora e visual com dramaturgia em constante movimento (como o universo).

Urano – que entrou em Touro anunciando transformações intensas no cosmos – é o ponto de partida da viagem narrada pelos quatro artistas através de um jogo espontâneo e maleável. A proposta cênico-musical é inspirada na astrologia, e a música é a nave condutora dos tripulantes e dos objetos que ganham vida nessa jornada.   

Uma curiosidade é que, como nos contou o Rafa, a potência de mudança e impacto de Urano em Touro é tão grande, que a última vez que este movimento aconteceu no cosmos, antes desta nossa jornada contemporânea, foi no momento que a Segunda Guerra Mundial veio à tona. Forte, né? Então, considerando o contexto da humanidade, acho que dá para dizer que este grupo de artistas integra uma trupe fundamental da nova era: aquelxs que sabem que do jeito que está, não dá mais para ficar – e já passaram a anunciar e chamar a todxs para vibrar na vibe do amor!

A nossa conversa, obviamente, permeou estas questões, e muitas outras. Falamos de astrologia, do fim do patriarcado, do desgoverno e da pandemia, das mulheres avançando em seu movimento sagrado feminino, da vida, do universo, dos peixes (mentira, peixes é só uma poesia que me veio agora), e “tudo mais”. Falamos da trajetória da banda, das músicas novas, e dos projetos que vêm por aí: em breve, os comandantes da nave Cósmica devem desembarcar em festivais que começam a retomar as atividades, sempre, claro, cumprindo os protocolos de segurança sanitária, para evitar uma nova onda de Covid-19. (Vacinem-se e participem!)

Durante o programa, rolaram três músicas da banda, que vai mostrar bem mais que quatro corpinhos tocando e cantando, a quem for prestigiar o show deles neste sábado. Uma boa forma de ter uma palhinha sobre o que pensam, sentem e dizem estes artistas queridxs é apertar o play e nos escutar! Eu vou fazer a misteriosa e deixar a missão de ir atrás da informação para vocês! (#procuremsaber!). Desde já, grata pela audiência, envio daqui do meu PC um grande beijo de luz a todxs! Até a próxima edição do programa! Fui!

OBS: este programa tem o apoio do MEME ESTAÇÃO CULTURAL

Leave a reply