Marycast: MM sex31jul com CAROLINA UTINGUASSÚ

MM310715

Entrevista de hoje: Carolina Utinguassu , autora do

livro Plátano e Bordo

O livro é um romance policial que é baseado em

histórias verídicas de detentas do presidio Madre

Pelletier. Capital gaúcha, presídio feminino. Rosana

é uma dançarina que corre contra o tempo para

fazer sua faculdade e manter seus dois empregos.

Ela passa a ser ameaçada por um dos clientes da

Boate Pleasure, onde se apresenta em algumas

noites. Na tentativa de se libertar desse

inconveniente acaba cometendo um assassinato.

No presídio Madre Pelletier, ela conhece sua

psicóloga e futura grande amiga, Tereza, que lhe

dará apoio nos momentos dolorosos e de

aprendizado que se passam nesse ambiente. Após

sua saída da prisão, outros assassinatos ocorrem,

característicos de uma psicopata. Nem mesmo

familiares, amigos ou conhecidos desconfiam do

que essa mulher é capaz.

https://www.facebook.com/pages/Carolina-

Utinguass%C3%BA/284451935058545

[separator]

Porto Alegre em Cena traz a artista norte-

americana Meredith Monk a Porto Alegre em

setembro

Espetáculos da Bélgica, Argentina, Uruguai e os

grandes destaques da produção brasileira estarão

nesta 22ª edição, de 03 a 21 de setembro.

Teatro, música, dança, diretores consagrados,

atores brilhantes, estréias, atividades formativas e

descentralizadas fazem parte do festival. Entre os

destaques estão a compositora, performer,

diretora, vocalista, cineasta, e coreógrafa norte-

americana Meredith Monk, que virá ao Brasil

exclusivamente para esta apresentação no Porto

Alegre em Cena. No espetáculo, Meredith Monk &

Vocal Ensemble: “The Soul’s Messenger”, que abre

o festival no Theatro São Pedro, Meredith divide o

palco com outros três artistas. Da Bélgica vem

“Attends, attends, attends... (pour mon père)”, de

Jan Fabre, com o solo do bailarino Cédric Charron.

Do Uruguai, parceiro desde a primeira edição do

festival, vem quatro espetáculos: “Hedda Gabler”,

do diretor David Hammond; “Marx in Soho”,

dirigido por Juan Tocci, e estrelado por Cesar

Troncoso; “El Pelicano”, versão de Marisa

Bentancurt para a obra de August Strimberg, e

“Love, love, love”, de Alberto Zimberg. Da Argentina

estará o artista Omar Giammarco, que

acompanhará Arthur de Faria em um recital.

A produção nacional está em foco este ano no

festival, que trará aclamados espetáculos, entre

eles “Frida y Diego”, dirigida por Eduardo

Figueiredo, com Leona Cavalli; “Galileu Galilei”, de

Cibele Forjaz, estrelando Denise Fraga e grande

elenco; “Contrações”, de Grace Passô, do Espanca!,

com as atrizes Yara de Novaes e Debora Falabella;

“Krum”, nova montagem da Companhia Brasileira

de Teatro, com Renata Sorrah entre grandes atores

da Cia.; “Caesar”, novíssima peça de Roberto Alvim

que estreou dia 17 de julho em São Paulo,

estrelando Caco Ciocler e Carmo Dalla Vecchia;

“Potestad”, do argentino Eduardo Pavlovski, dirigida

por Pedro Mantovani, com Celso Frateschi e Laura

Brauer; Oleanna, de Gustavo Paso, com Marcos

Breda no elenco, entre muitas outras grandes

produções.

[separator]

A música sempre tem muito espaço no Porto Alegre

em Cena, que este ano apresenta as gratas

revelações Tulipa Ruiz, em seu energético “Dancê”;

Zélia Duncan com o show “Tudo esclarecido”,

abordando a belíssima obra de Itamar Assumpção;

Ná Ozzeti e José Miguel Winsnik; Adriana

Calcanhotto e Cid Campos; Badi Assad; Carlos

Careqa com seu “Por um pouco de veneno”, novo

disco de canções do Tom Waits, são alguns

destaques.

As atividades formativas representam um

importante segmento do festival. Oficinas, mostras

descentralizadas, parcerias com outros municípios,

como Caxias e Canoas, o Prêmio Braskem em Cena

completando dez anos em 2015, ciclo de cinema e o

projeto “Psicanalítica em Cena”. O Ponto de

Encontro na Casa de Teatro seguirá reunindo

artistas e participantes em programações paralelas

e encontros.

A publicação Gaúchos em Cena aborda a trajetória

do ator Mauro Soares e está sendo escrita pelo

jornalista Roger Lerina. Esta coleção é lançada

anualmente nas edições do festival e coloca em

destaque os personagens das artes cênicas gaúchas.

E a homenageada desta edição será a atriz Adriane

Mottola, que tem mais de 30 anos de carreira

dedicados às artes cênicas, com espetáculos

memoráveis no currículo.

Confira a listagem completa dos espetáculos do Em

Cena 2015 em:

http://www.portoalegreemcena.com/

[separator]

Sonora Brasil Sesc promove concertos a partir de

agosto no Estado

A partir de agosto, o Rio Grande do Sul recebe a 18ª

edição do Sonora Brasil Sesc, projeto que traz ao

Estado apresentações musicais sobre o tema Violas

Brasileiras. A iniciativa engloba quatro circuitos

decorrentes do tema principal programados para

acontecer até novembro deste ano. Violas

Singulares será a temática do primeiro circuito

apresentado em nove cidades gaúchas, entre os

dias 1° e 10, pelos músicos especialistas no

instrumento Sidnei Duarte (MT), Rodolfo Vidal (SP)

e Maurício Ribeiro (TO). Entre 25 e 30 de agosto,

Porto Alegre também recebe a 2ª Mostra Sonora

Brasil, que reúne apresentações dos quatro

assuntos dentro da temática principal: Violas

Singulares, Violas Caipiras, Violas em Concerto e

Violas Nordestinas.

Canoas, Montenegro, Camaquã, Pelotas, Alegrete,

Ijuí, Santa Rosa, Passo Fundo, Porto Alegre e

Carazinho são os municípios que recebem o projeto,

até o mês de novembro. O segundo circuito está

programado para acontecer entre setembro e

outubro e terá como temática principal a Violas

Caipiras, enquanto Violas em Concerto será o tema

em outubro e Violas Nordestinas em outubro e

novembro. Já o tema Cantos de trabalho circula

pelas regiões Centro-Oeste, Norte e Nordeste em

2015 e chega ao Estado em 2016.

Violas Brasileiras traça um panorama da viola de

cinco ordens e de variantes que apresentam

características peculiares e regionalizadas do

instrumento, relacionadas a práticas musicais

restritas a ambientes geográficos pouco

abrangentes. A viola caipira/sertaneja será

representada por Paulo Freire e Levi Ramiro (SP); a

viola do nordeste, reconhecida por acompanhar

repentistas, será apresentada por Ivanildo Vilanova,

Antônio Madureira e Cássio Nobre (PE e BA); a viola

de concerto, apresentada por Fernando Deghi e

Marcus Ferrer (PR e RJ); e as violas singulares, com

suas peculiaridades e suas claras referências

regionalizadas, serão apresentadas por Sidnei

Duarte, Maurício Ribeiro e Rodolfo Vidal (MT, TO e

SP).

Sonoros Ofícios – Cantos de Trabalho apresenta o

canto como expressão musical relacionada às

atividades laborais, fato social presente na cultura

brasileira tanto no ambiente rural quanto no

urbano, com registros que confirmam a sua

existência já no século XVIII. Três grupos

representam formas tradicionais relacionadas a

trabalhos rurais: Destaladeiras de Fumo de

Arapiraca (AL); Cantadeiras do Sisal e Aboiadores de

Valente (BA) e Quebradeiras de Coco Babaçu (MA).

O Grupo Ilumiara (MG), formado por músicos

pesquisadores, apresenta repertório recolhido em

pesquisas sobre diversas vertentes do tema.

[separator]

10ª Bienal do Mercosul divulga lista de artistas

Mais de 400 nomes estarão representados com

cerca de 700 obras. Maior mostra de arte

contemporânea do sul do continente ocorre de 8 de

outubro a 22 de novembrO.

A 10ª Bienal do Mercosul divulgou na manhã desta

quarta-feira (29/7) a lista da seleção dos artistas

que terão obras apresentadas na maior mostra de

arte contemporânea do sul do continente. São

cerca de 400 nomes que dão uma amostra da arte

produzida na América Latina, foco desta edição.

Também foi divulgada a marca desta edição.

De 8 de outubro e 22 de novembro, as mais de 700

obras serão apresentadas em mostras que estarão

distribuídas em espaços como Casa de Cultura

Mario Quintana, Centro Cultural CEEE Erico

Verissimo, Instituto Ling, Memorial do Rio Grande

do Sul, Margs, Museu Júlio de Castilhos, Santander

Cultural e Usina do Gasômetro

Um dos mais importantes artistas brasileiros, Hélio

Oiticica (1937 – 1980) estará representado com

obras históricas e de relevância internacional para a

arte contemporânea. Além de nove parangolés

originais do artista, a Bienal apresentará uma obra

emblemática: "Tropicália" (1967), proposta de

instalação e arte ambiental que convida o público a

percorrer seu espaço. Inovador e radical à época, o

penetrável – como Oiticica chamava – inspirou

Gilberto Gil e Caetano Veloso a batizar o

tropicalismo. Na Bienal, "Tropicália" será

reconstruída conforme a versão original, em um

espaço de 150 metros quadrados.

Confira a lista completa

http://www.fundacaobienal.art.br/site/

[separator]

Insccrições para os cursos do 6° Festival

Internacional Sesc de Música

Seguem abertas as inscrições para os cursos

formativos do 6° Festival Internacional Sesc de

Música, que acontece entre os dias 18 e 29 de

janeiro de 2016, na cidade de Pelotas. Os alunos

podem se inscrever para uma das 21 opções de

classes pelo site www.sesc-rs.com.br/festival. As

formações disponíveis são violino, viola, violoncelo,

contrabaixo, flauta, oboé (corne-inglês), clarinete,

fagote, trompa, trompete, trombone, trombone

baixo, tuba, saxofone, eufônio, harpa, percussão,

violão clássico, canto lírico, piano e composição,

prática de orquestra e de banda sinfônica, e música

de câmara.

O 6° Festival Internacional Sesc de Música terá 12

dias de programação musical com uma série de

concertos e apresentações gratuitos em diversos

locais de Pelotas, além dos cursos ministrados por

professores de 13 nacionalidades. O evento tem

como objetivo incentivar o desenvolvimento da

produção musical, fomentar o intercâmbio e o

desfrute de bens culturais. Já consolidado no

cenário cultural de Pelotas, o Festival contou, na

sua última edição em janeiro de 2015, com mais de

40 espetáculos.

Saiba tudo sobre evento em:

www.sesc-rs.com.br/festival.

[separator]

Natura apresenta “Leve Embora”, primeiro disco

de Thiago Ramil

Thiago Ramil, jovem compositor gaúcho, começa a

alçar voo em 2015 com seu álbum de estreia Leve

Embora (Natura Musical). Neste trabalho, o músico

apresenta o encontro entre elementos orgânicos

percussivos e sonoridades contemporâneas

exploradas através de recursos eletrônicos, ruídos,

ambiências, loops, guitarras e teclados sintetizados.

Estas camadas, aliadas à crueza das composições

em voz e violão, criam um repertório com arranjos

sofisticados e propõem, para este álbum, uma

sonoridade híbrida, própria e provocativa.

Na turnê de lançamento do álbum, que faz parte do

projeto patrocinado pelo Natura Musical em

parceria com a Secretaria da Cultura do Estado do

RS, o músico estará acompanhado por Andressa

Ferreira e Gutcha Ramil nos vocais e percussão;

Guilherme Ceron, no baixo; André Zinelli na

guitarra; e Vini Albernaz nos teclados e

programações. Os shows circularão por três grandes

cidades brasileiras: Porto Alegre (dia 27 de agosto/

Theatro São Pedro), Rio de Janeiro (01 de

setembro/ Solar Botafogo) e Curitiba (dia 03 de

setembro/ SESC Paço da Liberdade), todos com

entrada franca.

[separator]

Nascido em uma família de artistas (Vitor Ramil,

Kleiton e Kledir, Ian Ramil), Thiago teve a música

como protagonista em sua trajetória. Aos dois anos

já fazia aulas de musicalização e desde a primeira

infância praticou violino, instrumento que o

acompanhou até os 14 anos de idade. Mais tarde,

na juventude, integrou a banda “Cadiombleros”,

seu primeiro projeto autoral. O músico integra

atualmente o coletivo musical “Escuta o Som do

Compositor”, grupo que reúne jovens compositores

da cena autoral de Porto Alegre. Em 2014 formou-

se em psicologia pela UFRGS e seu trabalho de

conclusão de curso, orientado da Professora Dra.

Andréa Ferrari, incluiu uma ampla pesquisa sobre o

acalanto e sua importância para crianças em

acolhimento institucional. E foi justamente a partir

desse trabalho, intitulado “A hora de dormir: o

acalanto com crianças em acolhimento

institucional” que Thiago criou as atividades

formativas previstas neste projeto. As oficinas

práticas estão sendo realizadas em instituições de

acolhimento, e o seminário, abordando a

importância desta prática e suas contribuições

psíquicas para os envolvidos, será realizado em

outubro, em Porto Alegre.

Você pode ouvir uma música do Thiago n portal

portal da Natura:

www.naturamusical.com.br

[separator]

Musical reúne Brasil e França em palcos gaúchos

neste mês de agosto

O violoncelista francês Romain Garioud e o cravista

brasileiro Fernando Cordella se apresentam em

Porto Alegre, Caxias do Sul e Novo Hamburgo.

Sesc Centro, em Porto Alegre (1º/08); Sesc Caxias

do Sul (04/08); e Fundação Ernesto Frederico

Scheffel, em Novo Hamburgo (05/08).

[separator]

mary mezzari MM sex31jul2015 CAROLINA UTINGUASSÚ - Dinamico FM

[separator]

MM com MARY MEZZARI sextas 14h na DFM!

Leave a reply

Web by: DELTA